CTGAS-ER continua processo de certificação no padrão alemão de competência de técnicos

14/09/2020   17h36

 

O Centro de Tecnologias do Gás e Energias Renováveis (CTGAS-ER) continua com o processo de certificação no padrão alemão de competência de técnicos em parceria com a EIC Trier -IHK/HWK- Europa – und Innovationscentre GmbH, uma instituição da Alemanha para realizar avaliações e certificações. Para Menrenx Eufrásio, engenheiro eletricista e gerente de manutenção elétrica da Ster Bom Indústria e Comércio, o processo de avaliação no CTGAS está sendo conduzido de forma satisfatória.

 

“Todas as etapas de certificação e avaliação têm sido observadas com muita cautela, inclusive as boas práticas técnicas de suas execuções, de modo que obtenhamos o melhor resultado possível, buscando a excelência nas instalações físicas e elétricas do sistema”, afirma Menrenx Eufrásio que se diz encantado com o modelo alemão de certificação.

 

 

 

Há algum tempo os alemães vêm treinando professores do CTGÁS-ER e para fazer a certificação de acordo com os padrões deste país europeu. Até agora a certificação – Instalador de Sistemas fotovoltaicos conta com as turmas: Turma 1 (Piloto) – 08.07.2020; Turma 2 – 29.07.2020; Turma 3 – 05.08.2020; Turma 4 – 02.09.2020 e Turma 5 – 03.09.2020.

 

Os avaliadores da certificação são representantes de empresas que exercem atividade na área de fotovoltaica e podem apresentar novas ideias que aproximam a realidade da profissão nas salas de aula do SENAI. Os técnicos que forem aprovados nas bancas examinadoras, com base em competências que sequem padrões alemães, receberão a certificação.

 

No caso de Menrenx Eufrásio, da Ster Bom, um profissional muito exigente com qualidade e acabamento, ele aplica a mesma exigência no sistema fotovoltaico. “Busco de maneira ponderante avaliar cada detalhe de construção e funcionamento dos sistemas, seja na área elétrica e mecânica do sistema, de modo a extrair o máximo possível do que oferta o sistema”, explica.

 

 

 

 

Na aplicação dessas exigências no dia a dia do seu trabalho na indústria em que trabalha Menrenx Eufrásio, diz que a experiência com a certificação tem contribuído bastante. “A certificação enaltece bastante o currículo no que concerne ao “peso” que a certificação alemã promove, bem como aprimora as ações atualmente desenvolvidas no campo profissional dentro da Ster Bom e projetos pessoais na área fotovoltaica”, acrescenta o engenheiro.

 

O novo modelo de avaliação da certificação implantado, com a capacitação no modelo alemão por competência é resultado da parceria com a EIC Trier -IHK/HWK- Europa- und Innovationscentre GmbH. A formação foi feita junto a professores, supervisores pedagógicos do SENAI-RN, além de gestores e empresários.

 

Por JoLopes – jornalista FIERN

Skip to content
Chat Online!