SENAI e Exército realizam cursos no âmbito do Projeto Soldado Cidadão

17/12/2020   18h07

 

O Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI-RN) e o Comando da 7ª Brigada de Infantaria Motorizada estão realizando cursos no âmbito do Projeto Soldado Cidadão. Os cursos são de Eletricista de Instalações Prediais – 160 horas iniciando dia 23/11, nas instalações da 7ª Brigada de Infantaria Motorizada, e de Soldador Elétrico – 160 horas iniciando dia 23/11, nas instalações da 7ª Brigada de Infantaria Motorizada.

 

O que é o Projeto Soldado Cidadão?

 

O “Projeto Soldado-Cidadão” (PSC) foi lançado oficialmente pelo Governo Federal em 2004. A 7ª Brigada de Infantaria Motorizada (7ª Bda Inf Mtz) participa do PSC desde sua criação, contribuindo com o Comando Militar do Nordeste no estabelecimento de uma relação harmônica e benéfica entre a Defesa Nacional e a sociedade, conforme orientações do Comando do Exército Brasileiro e do Ministério da Defesa.

 

O objetivo do PSC é oferecer uma qualificação profissional aos militares temporários, possibilitando melhores condições de ingresso no mercado de trabalho ao término do Serviço Militar e retorno à vida civil. Sua operacionalização envolve organizações militares e entidades civis de ensino profissionalizante, entre elas as pertencentes ao Sistema “S” (SENAI – SENAC – SENAT – SENAR).

 

Os cursos são presenciais e semipresenciais, ministrados por instituições de reconhecida competência nacional e regional. Além da capacitação profissional, são ministrados módulos de cidadania, empreendedorismo e sustentabilidade. Têm duração de cerca de dois meses e uma carga horária média de 160 horas.

 

Qual a importância do Projeto para o Exército no Rio Grande do Norte?

 

O PSC é de grande importância para a 7ª Brigada de Infantaria Motorizada. Anualmente, cerca de 1200 jovens prestam o serviço militar obrigatório nas Organizações Militares diretamente subordinadas à 7ª Bda Inf Mtz. Ao final desse período, o soldado é licenciado das fileiras do Exército e retorna a vida civil.

 

Assim, o PSC é visto como uma excelente oportunidade de qualificar profissionalmente os cidadãos egressos do Serviço Militar para a inserção no mercado trabalho, contribuindo para o desenvolvimento econômico e social do Rio Grande do Norte. Ele também é uma forma de retribuição à sociedade potiguar pelo serviço prestado à Pátria e ao Exército Brasileiro pelos filhos desta terra.

 

Desde quando existe a parceria com o SENAI, e por que o Exército escolheu o SENAI?

 

Desde a sua origem, há mais 15 anos. A aproximação com o SENAI foi uma escolha natural do Comando da 7ª Bda Inf Mtz, considerando a forte presença da indústria na região metropolitana de Natal. A reconhecida expertise no ensino profissionalizante e a busca em atender as necessidades do mercado de trabalho local foram fatores preponderantes no estabelecimento dessa frutífera parceria entre a 7ª Bda Inf Mtz e o SENAI no Estado do Rio Grande do Norte.

 

Qual a importância da qualificação para os soldados?

 

A qualificação profissional oferecida durante os cursos é de grande valia. A disputa por uma vaga no mercado de trabalho está a cada dia mais acirrada. A qualificação profissional oferecida permite que o militar receba uma formação totalmente gratuita, de excelente qualidade, durante o período do serviço militar. Ou seja, ele continua prestando o serviço militar obrigatório na 7ª Brigada de Infantaria Motorizada, enquanto está sendo qualificado e ainda tem a oportunidade colocar em prática os conhecimentos adquiridos sob a supervisão de militares mais experientes. Em resumo, é uma excelente oportunidade de agregar uma qualificação no currículo profissional do jovem.

 

Onde, quando e quais cursos costumam oferecer?

 

No ano de 2020, no âmbito da 7ª Bda Inf Mtz, foram oferecidas aproximadamente 400 vagas nos cursos de pintor, encanador hidráulico, eletricista residencial, soldador de chaparia, técnico em edificações, garçom, padeiro, preparação de pães e pizza, assistente administrativo e almoxarife.

 

Todos os cursos foram contratados junto às entidades do Sistema S, em especial com o SENAI e o SENAC, com recursos orçamentários descentralizados pelo Ministério da Defesa ao Exército Brasileiro e gerenciados pelo Comando de Operações Terrestres. Sempre que possível, os cursos são ministrados dentro das próprias Organizações Militares e por profissionais das entidades contratadas, aproveitando as instalações dos aquartelamentos como meio auxiliar de instrução.

 

Pandemia

 

Neste ano, mesmo com as restrições impostas pelo surto de Covid-19, todos os cursos e atividades foram concluídos com sucesso. No corrente ano, mais de 400 militares da 7ª Bda Inf Mtz foram ou estão sendo qualificados pelo PSC. Todas essas exitosas atividades foram realizadas observando as medidas sanitárias profiláticas determinadas pelas autoridades das esferas Federal, Estadual e Municipal.

 

As informações são do SENAI-RN e do Comando da 7ª Brigada de Infantaria Motorizada

 

Por Jôsilma Lopes – Unicom FIERN

 

Skip to content
Chat Online!