Consultor da Sociedade Alemã para Investimentos mantém entendimentos no CTGAS-ER

5/09/2017   11h32

Para entendimentos com instituições locais, esteve em Natal, o consultor David Arndt, que atua em programas de desenvolvimento e apoio à negócios da DEG -Sociedade Alemã para Investimentos e Desenvolvimento. O objetivo foi acompanhar um projeto de cooperação com a Alemanha para desenvolver, instalar e adaptar uma estação de tratamento de esgoto autárquica para hotéis e fazer uma análise de mercado para essa nova tecnologia no Brasil.

 

 

A DEG está financiando parte do projeto, idealizado pela Universidade de Stuttgart e Ministério de Economia de Baden- Württemberg, com parceria da FIERN, através do CTGAS-ER , SEDEC-Secretária de Desenvolvimento do Estado e a Associação Brasileira da indústria Hoteleira-ABIH. O projeto será realizado entre 2017 e 2019 e os recursos financeiros vêm do Ministério Federal para Meio Ambiente (BMUB) da Alemanha. O consultor esteve reunido, nessa sexta-feira, 01, com a diretora Executiva do CTGAS-ER, Cândida Amália Aragão, acompanhado por Sofie Liana Elisabeth, do Centro Internacional de Negócios-CN. Participaram da reunião pesquisadores e especialistas da Centro, que também atua na área do Biogás.

 
No Brasil, a DEG tem um escritório de representação em São Paulo, que é responsável pelas atividades nos países do Mercosul. A tarefa da DEG é financiar investimentos do setor privado em países em desenvolvimento e emergentes. No contexto de financiamentos de projetos feitos sob medida, a DEG contribui para o desenvolvimento desses países e oferece financiamento tanto para empresas novas como para a ampliação de empresas existentes. No Mercosul, as atividades da DEG têm um foco particular nos setores agrícola, industrial e de infraestrutura.

SOBRE O SENAI

CONHEÇA

ACOMPANHE

TRANSPARÊNCIA

ACESSE

  • Juntos Pelo Desenvolvimento

  • Por uma indústria segura, saudável e produtiva.

  • Com a Indústria pela Inovação, Produtividade e Sustentabilidade.

  • Somos o elo entre o Saber e o Fazer.

  • A força do Brasil na indústria.